04/12/2017  |  Achados, Destaques, Gastronomia, Utilidade Pública
Gastronomia: Restaurante Donana

Bom baiano que se preza adora uma comida com dendê.  Comigo não seria diferente.  Logo eu que nasci e cresci no interior da Bahia, em uma região conhecida pela sua fartura e variedade em frutos do mar e pela sua rica culinária em pratos com dendê – não adianta, este ingrediente é mesmo indispensável na maioria dos nossos preparos. Se você me pedisse pra escolher um fruto do mar, sem sombra de dúvida eu escolheria camarão: gosto na salada, na lasanha, no recheio do pastel, no recheio do crepe e, justificando toda a introdução desta postagem, na moqueca. Por isso, já fazia um tempo que andava muito curiosa para conhecer o Restaurante Donana,  eleita a melhor moqueca de camarão da cidade pela Revista Veja ( em 2014 e, recentemente, na premiação de 2017).

entrada_camaronatapuiocaOK
{Entrada: Camarão empanado na tapioca e queijo com molho agridoce}

O Donana tem mais de 20 anos de história na cidade, e é conhecido pela tradicional culinária baiana. Os frutos do mar são as principais atrações do cardápio, que também oferece opções como cozido, sarapatel, rabada e tira-gostos como arrumadinho de carne, carne do sol, batata frita – tudo supervisionado pela Chefe Donana ( Ou Dona Ana Raimunda, fundadora do restaurante.) São três unidades: Vilas do Atlântico, Praia do Forte e Brotas ( a matriz), pertinho de minha casa e minha escolhida. O prato escolhido? Sem dúvidas e unânime: Moqueca de Camarão.  Mas antes, uma pausa para esta entrada especial: camarão empanado na tapioca e queijo, servido com molho agridoce e molho de pimenta. A boca enche d’água só de lembrar. (R$35,90)

moquecaDonana_prato_ok

{Prato principal: a melhor moqueca de camarão da cidade}

A Moqueca de Camarão do Donana acompanha 3 guarnições (escolhemos farofa de dendê, pirão e arroz branco – combinação clássica) e serve educadamente 3 pessoas (R$99.90). Eu dico educadamente, porque quando a comida está gostosa, a gente repete mesmo que já esteja satisfeita, diga aí?  Nós comemos, repetimos e ainda sobrou um pouco que eu pedi pra colocar na quentinha pra comer no dia seguinte. Sou bem dessas. Posso falar? Uma das melhores moquecas de camarão que eu já comi na vida – e olha que de moqueca eu entendo.  Saborosa, camarões graúdos, caldo grossinho – tudo culpa do leite de côco -, tudo que uma boa moqueca precisa ter. Só mesmo provando pra entender o que estou falando.

cocada_Ok

{Sobremesa: Cocada caseira mista}

O que mais me chamou a atenção – além da comida maravilhosa, claro – foi a eficiência e simpatia do atendimento. Demora mesmo só pra conseguir entrar pois já é tradicional uma fila de 30/40 minutos, principalmente aos sábados, domingos e feriados. Mas nada que não se resolva tomando uma cerveja geladinha até sua mesa ficar disponível. Os clientes inclusive podem abrir a comanda pedindo um tira-gosto enquanto esperam pela sua vez de entrar e sentar. Uma vez lá dentro, você pisca o olho e a comida chega, valendo a pena toda espera. Já quero voltar mais vezes.

Mais informações em:
http://www.donanarestaurante.com.br/

Fotos: Sutiã de Bolinha

Deixe um comentário em "Gastronomia: Restaurante Donana"